Cigarros

janeiro 15, 2018

Dizem que tem 5 minutos dentro de cada cigarro e eu acho isso uma bobagem.

O cigarro contém cerca de 4720 substâncias tóxicas.

Os cigarros que fumei contém encostas de montanhas com rostos esculpidos que, incandescentes, me olham, respiram e baforam.

Os cigarros que fumei me seguraram pelo estômago quando o chão parecia se desfazer e a densidade do ar era suor prestes a me afogar.

Os cigarros que fumei contém o espaço entre músicas de coração partido dos anos 60 e uma overdose de cocaína.

Os cigarros que fumei contém um cem número de amantes a cujos dedos amarelados das mãos eu beijei.

Todas as roupas acidentalmente furadas e o cheiro da noite anterior no dia seguinte.

Os cigarros que fumei contém o corpo dela e minha vontade de tocá-lo quando estávamos longe. Ou próximas.

 

tocar seu corpo

como quem acende

um cigarro no outro

 

Ele cheira a cigarro entre os meus lençóis e me abraça como se fosse a única coisa a ser feita.

Seus cigarros na minha mesa de cabeceira me fazem pensar em quando queria me casar.

Os cigarros que fumei contém o casamento que eu não tive, a cidade que deixei para trás, as garrafas de absinto, 1 carro, pelo menos uns 14 anos e inúmeras noites insones.

Os cigarros que fumei contém 15 dias de giro sufi que me fizeram parar de fumá-los por 4 meses inteiros.

Os cigarros que fumei contém a fotografia do reflexo de uma velha amiga no retrovisor.

Os cigarros que fumei contém cerca de 4720 memórias.

E esse poema só pode ter fim em incêndio.

 

Anúncios